Pastor alemão: a raça para quem ama aventura e coragem

Para muitos, ter a companhia de um cachorro sempre por perto é sinônimo de felicidade, diversão e proteção. Além de fofos e espertos, os cães ilustram um cenário de lealdade, característica que não há quem não busque nas relações atuais.

Entre as raças mais procuradas e amadas pelos tutores desses animaizinhos está a chamada pastor alemão, que representa animais corajosos, confiantes, inteligentes, companheiros e protetores. Opa! Mas não pense que são somente essas as qualidades dos cachorros dessa raça não, há muito mais! Confira agora no texto abaixo:

Origem da raça

Com passos firmes e latidos altos, os cães da raça pastor alemão são enérgicos e, segundo conta a história, desde que os primeiros animais dessa raça foram registrados, na Alemanha, mostraram sinais de que seriam perfeitos para atuarem como cães de guarda.

Ainda conforme o texto sobre a origem dessa raça, tudo começou ainda por volta dos anos de 1800, quando o desejo que movia os amantes dos cachorros era encontrar uma raça capaz de patrulhar rebanhos e realizar funções específicas.

Foi então que, durante os extintos shows de cães que aconteciam na região, o capitão Max Von Stephanitz, ficou fascinado pelo animal que tinha características semelhantes as dos lobos, mas era, ao mesmo tempo, dócil, inteligente e resistente. A partir desse encontro, a raça nomeada como pastor alemão conquistou o coração do capitão citado e de muitos outros tutores que ansiavam pelos traços apresentados.

De acordo com essa teoria sobre o surgimento dessa raça, o capitão Max Von Stephanitz foi o primeiro homem que treinou um animal enquadrado como pastor alemão e o resultado alcançado foi propagado por todo o restante do mundo: cachorros inteligentes, com temperamentos fortes, eficientes e muito útil aos diversos compromissos de um homem, seja ao cuidar de um campo cheio de ovelhas ou cumprir suas obrigações como servidor do serviço militar.

Isso mesmo! Você não leu errado: os pastores alemães foram os primeiros cães oficialmente reconhecidos como animais parceiros dos militares.

Diante de tamanha importância e urgência por esses animais, como é fácil observar hoje, embora novas raças tenham surgido no decorrer dos anos, os pastores alemães nunca foram deixados de lado e continuam ocupando um dos primeiros lugares no quesito de preferencia da população brasileira e de todo o restante do mundo.

Tártaro em cachorros: o que fazer para evitar? Veja aqui!

Veja aqui como deve ser a tosa do cachorro!

Características desses animais

Sem um padrão único de coloração, o pastor alemão pode ser encontrado nas mais diversas cores, como preto, marrom, cinza, branco, azulado, amarelo e até mesmo com manchas, tons desbotados e detalhes mesclados que deixam o animal ainda mais belo e encantador.

Do outro lado, longe da bela aparência física, esses animais são reconhecidos pelo postura imponente e destemida que refletem, conjunto de características que é visto como sinônimo de segurança, confiança e proteção e, além disso, permite destaque entre as demais raças.

Outro fator que torna esse cão o mais indicado para acompanhar os militares, por exemplo, é o fato de, quando não são treinados para o contrário, não “fazem amizade” facilmente com estranhos que se aproximam, o que garante a boa conduta em diferentes missões.

No entanto, com os que já conhece e convive, os animais dessa raça são amigos, brincalhões, fiéis e companheiros para todos os momentos.

Cuidados especiais

Engana-se quem pensa que esses animais demandam grandes desafios – na verdade, o único desafio mesmo ao escolher um cão dessa raça para chamar de seu e levar para casa é ter energia suficiente para acompanhá-lo em todas as atividades que realizar pelo dia.

As exigências para manter sempre em dia a saúde, o bem estar e o conforto dos cães pastores alemães são simples, fáceis e não exigem muitas técnicas, como:

Investir em um bom processo de adestramento: não há como esquecer que os pastores alemães foram desenvolvidos e preparados para movimentos de ação e ocupação, o que significa que ficar muito tempo parado no mesmo lugar não faz parte dos planos desses animais, por isso, dedique o seu tempo para eles e, sempre que possível, invista em um bom profissional de adestramento para treinar e estimular a inteligência do seu novo amigo;

Realize caminhadas e passeios regulares: os cães dessa raça não suportam o tédio e precisam de atividades que gastem suas energias, portanto, não economize nas brincadeiras, nos passeios e nem mesmo nas corridas;

Não deixe de lado os cuidados com a higiene do seu bichinho: longe dos longos e exigentes pelos, os cães da raça pastor alemão, na maioria das vezes, dispensam banhos tão frequentes e demandam por essa atividade só mesmo quando se sujam, porém, o segredo para deixar os seus pelos sempre brilhando e cheios de saúde é escova-los, no mínimo, duas vezes a cada sete dias;

Contribua para a saúde bucal do seu amigo: ao contrário do que muitos ainda acreditam, escovar os dentes dos seus cachorros é indispensável e a única solução para evitar os problemas e doenças relacionadas a ausência dos cuidados com a saúde bucal, sendo assim, aprenda a escovar os dentes dos seus animais ou peça ajuda para os profissionais.

E ai, agora que você já sabe tudo sobre essa raça e aprendeu os cuidados básicos, que tal encontrar logo um pastor alemão para completar a sua felicidade?

Veja aqui como levar seu cachorro no Uber!

Seu cachorro late demais? Veja aqui o que fazer para evitar esse hábito!

Danielle Andrade

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content