Beagle – história, temperamentos, características, cuidados

Antes de tudo, a história do Beagle não obtém uma fonte confiável para explanar sobre seu surgimento. Contudo, evidencia-se que os cães dessa raça eram utilizados para caça, por se destacarem pela sua habilidade com o faro e a energia para desbravar novos lugares.  Sendo considerados excelentes caçadores.

De acordo, os Beagles foram criados em 1800, por meio do cruzamento das raças Talbot Hound, o Nort Coutry Beagle e o Southerm Hound, na Inglaterra. Posteriormente, no inicio do século XIX, a raça migrou para os Estados Unidos, tornando-se um animal popular, conquistando milhares de lares americanos. Nesse sentido, em 1884 o Amerian Kennel Club reconheceu a raça oficialmente.

Bem como, a origem do nome da raça, tem dois possíveis significados. O primeiro de origem Celta, que significa “pequeno” devido ao seu tamanho. E o segundo, de origem francesa, tem como significado “boca alta” ou “boca aberta” por causa da característica de latir muito.

Principais características da raça

Definitivamente, essa raça tem tendência à obesidade, então é necessário cuidar muito dos seus hábitos alimentares, e praticar exercícios diariamente.  Apesar disso, os bichanos dessa raça são muito simpáticos, carinhosos e brincalhões, mesmo com estranhos, logo, são cachorrinhos dóceis com crianças de todas as idades.

Todavia, são teimosos, e gostam de fazer apenas o que querem, nesse aspecto, o seu dono precisa tem paciência com o cão e tentar adestrar-lo. Outra característica é o latido, pois como gostam de ser ouvidos, eles são conhecidos por latir bastante, uivar e ladrar, contudo se treinado desde criança essa tendência diminui.

Tártaro em cachorros: o que fazer para evitar? Veja aqui!

Temperamento do Beagles

De antemão, os beagles são conhecidos pela sua teimosia, a quem digo que são os cães inadestrável, donos de uma personalidade única. Assim, essa raça pode tornar o seu treinamento um grande desafio para o dono, mas não é impossível, afinal, é impossível não ser feliz com um Beagle ao seu lado.

Além disso, eles são livres e independentes, dóceis e aventureiros. Caso você esta procurando um cão de guarda, essa raça não é indicada, afinal ele tem facilidade de fazer amizades com estranhos e sabe receber muito bem as visitas.

Em suma, pela característica desbravadora, esses bichanos tendem a destruir coisas, porque sentem necessidade de gastar a sua energia, deste modo não é aconselhado deixar um Beagle por um longo período de tempo sozinho.

Características físicas

Os Beagles têm uma ampla variação de tonalidades e combinações de cores dos seus pelos, as mais comuns são tricolores que apresentam cores, como, preto, marrom e branco, além de cães bicolores. Assim, possuem pelos curtos, lisos e densos, que são trocados anualmente.

Contudo, seu tamanho pode variar de 33 a 41 cm de altura, e seu peso de 9 a 35 kg, e uma das características físicas marcante é a sua orelha pendular. Juntamente com, uma expectativa de vida de 16 anos. Porém, o cachorro dessa raça tem tendência à obesidade, que pode ser controlada facilmente.

 Cuidados com o Beagles

A princípio, pelo seu comportamento agitado, um dos cuidados necessários para criação de um Beagle, é ter um espaço grande para que ele possa brincar, correr e farejar a vontade, caso não tenha esse espaço é necessário passear com ele todos os dias.

Outro ponto, é a escovação dos pelos, mesmo sendo curtos e densos, deve ser escovado semanalmente para ajudar a retirar os pelos mortos. Além disso, os cachorros dessa raça são bastante higiênicos, e não necessitam de banhos com muita freqüência.

Em síntese, o bichano dessa raça necessita de uma atenção especial referente à obesidade, que é uma condição pré existente, exigindo mais cuidados  do que com outras doenças, então, sua alimentação deve ser balanceado e de preferência com acompanhamento de um médico veterinário.

Veja aqui como deve ser a tosa do cachorro!

Filhotes de Beagles

Os filhotes, já nascem bem ativos, e para não ter problemas futuros de comportamento é ideal que processo de educação tenha início nos primeiros meses. Além isso, outros cuidados são necessários, como a vacinação, e uma alimentação adequada para sua idade.

Deixe seu Comentário

WebGo Content